ImprensaNotíciasItens filtrados por data: Quarta, 13 Março 2019
Companhia de Saneamento de Sergipe - Itens filtrados por data: Quarta, 13 Março 2019

Palestra que faz parte das homenagens ao Dia da Mulher, reuniu diversos empregados no auditório central

A Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso, através da Coordenação de Serviço Social e Benefícios – CSSB e da assessoria de Marketing, promoveu palestra que abordou a "Violência contra a Mulher" com o intuito de discutir, orientar e provocar reflexões nos participantes. O evento integra as homenagens ao Dia da Mulher, comemorado no último dia 8 de março e trouxe a Dra. Valdilene Oliveira Martins, Vice-presidente do Conselho de Defesa dos Diretos da Mulher da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB/SE, para uma palestra informativa.

"É muito importante discutirmos esse tema, pois a violência contra a mulher é decorrente de uma questão cultural, inserida pelo patriarcado, onde o machismo e a misoginia predominam. O machismo ainda é estrutural e está em todo lugar, onde pregam uma submissão e interiorização feminina. Então, temos que discutir, sobretudo, que possamos rever a nossa educação familiar, escolar, social, para que se eduque com igualdade, para que percebam que homens e mulheres possuem direitos e obrigações iguais. Hoje a lei não respalda mais a inferioridade feminina, a lei está posta, escrita, desde 1988. O que mais falta na sociedade é informação. Em encontro como esses, queremos provocar reflexões e pensamentos. Que as pessoas possam se sentir incomodadas com o que está acontecendo e que elas saibam que não podem perder o direito de se indignar, nem podem naturalizar a violência. A importância de conversas como essa na Deso é a identificação de cada um, é provocar e tirar as pessoas da zona de conforto para que aja uma mudança", ressaltou a Dra. Valdilene.

A representante da OAB acredita que as empresas precisam ter esse tipo de iniciativa. "Fico muito feliz com essa participação, pois o local de trabalho é uma extensão da nossa casa, passamos muito tempo na empresa e não adiantar ter uma família em sintonia se no local de trabalho você sofre coisas instituídas pela sociedade. As empresas precisam ter esse tipo de pensamento em acordar as pessoas e ver que os tempos mudaram. A mudança precisa acontecer em todos os locais: no trabalho, na igreja, na academia, na associação, em todo lugar. É importante ver o interesse da Deso com relação a essa percepção de mundo, trazendo questões polêmicas para serem debatidas e discutidas entre os funcionários. Esse trabalho precisa da participação efetiva dos homens, se ele faz parte do problema, obrigatoriamente faz parte da solução", disse.

De acordo com Lúcia Pinho, assistente social da Deso, responsável pela Coordenação de Serviço Social e Benefícios – CSSB, o encontro foi uma contribuição para orientar os participantes. "A palestra foi muito importante com relação a violência contra a mulher. Nós que trabalhamos no Programa Despertar (que acompanha, orienta e dá suporte durante reuniões semanais com os funcionários da empresa que são acometidos de alguma dependência química), sabemos que no ato da utilização das drogas, do álcool, eles podem ser incitados a praticarem violência contra mulher. Com um encontro como esse, queremos esclarecer com relação ao tratamento que devem ter. Temos uma empresa grande, composta por muitos homens e vários deles não possuem orientações adequadas sobre leis, por isso, temos que esclarecer para todos. Decidimos convidar a representante da OAB e trouxemos uma mulher que luta muito por essa causa, na intenção de que fosse passado para todos os funcionários, de que violência contra mulher não pode mais perdurar na nossa sociedade. É uma espécie de contribuição e orientação aos nossos empregados, para que possam ter a consciência do papel que cada um exerce dentro da empresa como colega, além da família e sociedade", afirmou.

Para Ana Cláudia Monteiro, gerente Social do Programa Águas de Sergipe, a temática é pertinente e o momento é oportuno para a reflexão. "As vezes não percebemos o quanto estamos sendo vítimas de agressões cotidianas, então, as falas da representante da OAB foram muito pertinentes para nos alertar. Foi falado em violência doméstica mas na verdade o contexto geral é muito violento contra a mulher. É um momento muito oportuno para pararmos e refletirmos sobre a nossa condição. As vezes é um cansaço exagerado, noites sem dormir direito, e a pessoa tentar entender o porquê se já está sendo vítima. Ouvimos muitas coisas nessa palestra e ao analisarmos, percebemos como o nosso cotidiano é machista. Independente da pessoa assumir politicamente uma questão feminista, é você ser uma mulher naturalmente em precisar trabalhar, criar filhos e não ser respeitada diante dessas condições. A equipe que produziu o evento está de parabéns, uma temática pertinente e espero que assim como está surtindo efeito positivo em mim, possa atingir outra mulheres", ressaltou.

Para José Soares, motorista da Companhia, os homens precisam rever seus conceitos. "É importante que o homem saiba valorizar as mulheres e não a tenham como objeto. Nós, homens precisamos estar atentos e rever conceitos. Muitos não observam o lado da mulher, da mulher mãe, da mulher companheira, que é esposa e cuida muito bem do marido e ele não reconhece. A palestra foi de grande importância para que todos possam entender qual a realidade atual, é preciso que os homens reflitam muito, na verdade, a mulher deve ser tratada com mais responsabilidade e respeito", disse.

HOMENAGEM
No último dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, as funcionárias da Companhia foram recepcionadas pelo Coral "Cantar das Águas", embaladas por músicas temáticas, além de receberem rosas vermelhas simbolizando toda a sensibilidade feminina. De acordo com Eder Meneses, gerente da assessoria de Marketing, o Dia da Mulher na Deso precisava ser marcado de forma especial. "Desde o primeiro momento em que elas entrassem na empresa, queríamos oferecer flores e música na recepção, como uma forma de saudá-las e reverenciar a importância da data e, simbolicamente, mostrar o respeito que a Companhia tem por cada uma", disse.

 

 

 

1213

15

53458946 2198331447083363 1891647757735690240 n

53506236 415106945723841 5076296927465701376 n

53537510 2623842094508958 8388094171587543040 n

53607281 2142688825822037 8680547269390368768 n

53665487 426993034511291 136823115291295744 n

53722955 1224141631043773 7075108805045911552 n

53742512 769261896777505 8498488033824210944 n

53838515 2617939304889707 6503696151143776256 n

 

 

 

 

 

 

 

Quinta, 14 Março 2019 15:28

Povoado Caueira - Itaporanga D'Ajuda

A Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso informa que, em razão da interrupção do fornecimento de energia, por parte da Concessionária de Energia Elétrica, o abastecimento de água está comprometido no Povoado Caueira, em Itaporanga DÁjuda.

A Companhia informa, ainda, que abastecimento será restabelecido gradativamente assim que o fornecimento de energia for normalizado.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Quinta, 14 Março 2019 10:09

Aracaju

A Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso informa que, o bairro Bugio, em Aracaju, está com o abastecimento de água comprometido, em razão de uma manutenção.

A conclusão do serviço está prevista para as 12h de hoje (14/03/2019), sendo o abastecimento restabelecido gradativamente após a manutenção. Se os serviços forem concluídos antes do previsto, o abastecimento será retomado sem qualquer outro aviso.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Quinta, 14 Março 2019 10:03

Aracaju

A Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso informa que, os bairros  Getúlio Vargas e Cirurgia estão com o abastecimento de água comprometido, em razão de uma manutenção.

A conclusão do serviço está prevista para as 16h de hoje (14/03/2019), sendo o abastecimento restabelecido gradativamente após a manutenção. Se os serviços forem concluídos antes do previsto, o abastecimento será retomado sem qualquer outro aviso.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Quinta, 14 Março 2019 09:06

Sertão

A Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso informa que, em razão da interrupção do fornecimento de energia, por parte da Concessionária de Energia Elétrica, o abastecimento de água está comprometido nos municípios de Poço Redondo, Monte Alegre, Amparo do São Francisco, Canhoba, Nossa Senhora de Lourdes, Itabi, Aquidabã, Graccho Cardoso, Cumbe, Feira Nova, Gararu, na zona rural de Porto da Folha, parte da zona rural de Nossa Senhora das Dores e parte do município de Nossa Senhora da Glória (zona rural e os Conjuntos Cohab, Alto da Glória, Divineia e as Fábricas).

A Companhia informa, ainda, que abastecimento será restabelecido gradativamente assim que o fornecimento de energia for normalizado.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Quinta, 14 Março 2019 09:05

Povoado Touro - Pirambu

A Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso informa que, o Povoado Touro, em Pirambu, está com o abastecimento de água comprometido, em razão de uma manutenção.

As equipes estão trabalhando para concluir o serviço o mais breve possível, sendo o abastecimento restabelecido gradativamente após a manutenção. Se os serviços forem concluídos antes do previsto, o abastecimento será retomado sem qualquer outro aviso.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Quinta, 14 Março 2019 09:04

Malhador

Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso informa que, o município de Malhador está com o abastecimento comprometido, em razão da turbidez da água, decorrente da chuva na região.

A Companhia informa, ainda, que abastecimento será restabelecido gradativamente assim que a turbidez for estabilizada e a qualidade da água for recuperada.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Quinta, 14 Março 2019 09:01

Cedro de São João, Propriá e Telha

A Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso informa que, em razão da interrupção do fornecimento de energia, por parte da Concessionária de Energia Elétrica, o abastecimento de água está comprometido nos municípios de Cedro de São João, Propriá (sede e povoados São Vicente e Assentamento Padre Cícero), Telha (sede e povoados São Pedro, São Tiago, e Bela Vista).

A Companhia informa, ainda, que abastecimento será restabelecido gradativamente assim que o fornecimento de energia for normalizado.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Quinta, 14 Março 2019 09:00

Nossa Senhora das Dores e Siriri

Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso informa que, os municípios de Nossa Senhora das Dores e Siriri estão com o abastecimento comprometido, em razão da turbidez da água, decorrente da chuva na região.

A Companhia informa, ainda, que abastecimento será restabelecido gradativamente assim que a turbidez for estabilizada e a qualidade da água for recuperada.

A Deso recomenda a utilização econômica da água existente nas caixas d'água e reservatórios residenciais, evitando-se desperdícios.

Casos de emergência e pedidos de serviços podem ser informados pelo telefone 08000790195 com prioridade para creches, hospitais, asilos e demais entidades dessa natureza.

Assessoria de Comunicação da Deso

Texto: Agência Sergipe de Notícias

Durante conversa com os sergipanos, o governador Belivaldo Chagas solicitou que a população tenha consciência do bom uso da água e denuncie, através do 08000790195, a presença de desvios ilegais

A forte onda de calor, aliada às alterações climáticas decorrentes do fenômeno El Niño, tem provocado a diminuição do nível de importantes lençóis freáticos e corpos hídricos que abastecem Sergipe. Essa situação foi revelada no relatório do Monitor de Secas, apresentado no início da semana, que também destaca o número de municípios sergipanos em situação de seca extrema. Além dessas questões naturais, um outro grande problema tem afetado significadamente o abastecimento de água do estado: o alto índice de desvios clandestinos, popularmente chamados de “gatos”.


Dados levantados pela Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) revelam que 384 milhões de litros de água são disponibilizados diariamente. Contudo, desse volume, cerca de 48% são desviados clandestinamente pela população.
Essas ações fraudulentas têm gerado diversos problemas em todo o estado e também foi motivo de uma conclamação do governador Belivaldo Chagas durante conversa ao vivo com a população, transmitida pela TV Aperipê e pelas redes sociais do Governo de Sergipe, nesta quarta-feira (13).


“A operação de fiscalização intensiva dos desvios ilegais de água será iniciada na cidade de Simão Dias, com cerca de 10 mil ligações regulares. De lá, recebemos a informação de cerca de 1.500 desvios ilegais de captação de água. Isso é inadmissível e vamos combater. A partir desta primeira operação, vamos a todos os municípios realizar ação semelhante”, afirmou.


O Diretor de Operações, Carlos Anderson, afirma que esses desvios implicam diretamente em picos de desabastecimento. “Se não houvesse a grande quantidade de desvios, o serviço seria ainda mais eficiente. Além disso, teríamos uma grande diminuição de custos empenhados em matéria-prima, produção, energia elétrica, etc. durante as ações de reparos. Se não desviassem a água, muito provavelmente iríamos retirar muito menos dos mananciais. E a maioria das perdas de água em nosso estado tem relação com desvios ilegais”, explica.


Dos 75 municípios sergipanos, 71 são atendidos pela Deso no estado. Além disso, as cidades de Estância e São Cristóvão também são atendidas parcialmente. Dentro das ações empenhadas pela Companhia, está também o trabalho de identificação de pontos de desvios e desabastecimento.


“Aqui na capital, temos os Distritos de Medição de Pico e Controles implantados. Por meio deles, nós vemos as alterações de picos e consumos e conseguimos ver as alterações na distribuição de água e, também, se há algum ponto desviado. Nesse tipo de serviço, usamos equipamentos específicos para isso, como os geofones, que contribuem na identificação. Já no interior, como ainda não tem esses distritos, a fiscalização é feita mediante a denúncias da população. Nessas localidades, a falta de água e às denúncias servem como medidas de identificação da problemática”, relata.


O diretor também destaca que o ato de desviar ilegalmente água pode resultar em sanções administrativas para clientes e ação policial nos casos que não envolvem consumidores da Companhia.


“São dois tipos de punição nesses desvios. Aqueles que são clientes da Companhia utilizamos o quadro de infração do nosso regulamento, que prevê sanção administrativa em casos de manipulação indevida de rede, desvio de água, quantidade de tarifas mínimas, etc. Essas fraudes detectadas por clientes, tem um tipo de tratamento -- não fugindo da possibilidade de encaminhamento criminal da situação. Já os desvios feitos por não clientes são encaminhados diretamente à autoridade policial, porque não há como punirmos administrativamente. Nesses casos, fazemos o levantamento de imagens e depoimentos e acionamos a polícia ou para o Ministério Público”, informa Carlos Anderson.


Para não chegar a situações extremas como essas, a orientação é que a população tenha consciência do bom uso da água e denuncie, através do 08000-790195, a presença de desvios ilegais.

Pagina 1 de 2

Calendário

« Março 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

paradas-deso

Acesso a Informação

transp


office365-webmail